BREAKING

24/01/2012

Tomando o cálice


MOMENTOS DEVOCIONAIS


Tema de janeiro: Quem é Jesus?


Mensagem do dia: 24/01/2012.


Tomando o cálice

E dizia: Aba, Pai, tudo te é possível; passa de mim este cálice; contudo, não seja o que eu quero, e sim o que tu queres.” (Mc 14.36)
             Jesus está enfrentado momentos de intensa angústia diante da iminente certeza da morte na cruz. O medo domina grandemente o seu corpo, e sua alma está profundamente angustiada. Ele está orando ao Pai e nessa oração Cristo rasga o coração, suplicando uma resposta de Deus. De forma profunda Ele nos revela as atitudes que devemos tomar, diante dos momentos difíceis, que podem nos sobrevir a qualquer momento.
Jesus tomou o cálice em obediência. Essa é a primeira atitude que apreendemos de Cristo e que precisamos usar para vencer as batalhas e momentos difíceis, que poderão nos sobrevir. A Bíblia fala que Cristo foi obediente até a morte e morte de Cruz (Fl 2.8). É isso o que vemos ao olhar para Jesus no Getsêmani. Muitas vezes, ao enfrentar um problema, nos revoltados e desobedecemos ao Senhor. A desobediência gera pecados e o pecado nos afasta de Deus. Com isso, deixamos de ser respondidos pelo Senhor.
Cristo nos mostra também que devemos tomar o cálice abrindo o coração para Deus. Jesus não maquia o problema, Ele não finge que nada está acontecendo. O que vemos é um filho desesperado, rasgando o coração para o pai e clamando por socorro! Ele pede uma intervenção divina, para não passar por aqueles momentos, que seriam os piores de toda a sua existência. Precisamos ser verdadeiros com Deus e conosco mesmos. Precisamos ter a coragem de orar clamando por ajuda, reconhecendo que não somos nada, não podemos e necessitamos do milagre do Senhor. Isto é orar com Fé! É orar com a convicção de que Deus pode nos responder.
Em último lugar vemos Cristo tomando o cálice aceitando a vontade do Pai. Ele diz: “... não seja o que eu quero, e sim o que tu queres.” Jesus está dizendo: “Pai, eu estou com medo, estou angustiado e sei que o cálice que terei de tomar será o pior de toda a minha existência. Pai, eu não quero passar pela morte da cruz, mas, sei que a Tua vontade é maior que a minha, portanto, faça-se a tua vontade e não a minha” (paráfrase).
Nem sempre Deus nos responde de acordo com o que pedimos, mas Ele nunca deixará de nos responder. Deus não livrou Cristo da morte da Cruz, mas o respondeu sobrenaturalmente, quando o ressuscitou dentre os mortos ao terceiro dia.
A vontade de Deus foi soberana e plena na vida do Senhor Jesus. Precisamos ter Fé suficiente para compreender e aceitar a vontade de Deus. Ele nunca deixará de responder aos seus filhos. Ele é Fiel.

Pr. Waldyr Silva do Carmo

                                              IGREJA CASA DE ORAÇÃO CEHAB
http://casadeoracaocehab.blogspot.com
                                                                                                prwaldyrcarmo@yahoo.com.br

About ""

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Vivamus suscipit, augue quis mattis gravida, est dolor elementum felis, sed vehicula metus quam a mi. Praesent dolor felis, consectetur nec convallis vitae.

Postar um comentário

 
Copyright © 2013 Portal Rede Social Cristã
Design by FBTemplates | BTT